25
abr
08

Em entrevista Bruno afirma: ‘Quero parar cedo’

Quando era criança, Bruno acordava cedo para fazer trilhas no município de Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte. Mais do que o espírito aventureiro, o goleiro do Flamengo aproveitava as andanças pelo matagal para observar as decolagens e os pousos dos aviões no aeroporto de Confins.

Assim como muita gente se perguntou na quarta-feira como um goleiro pôde cobrar uma falta com tanta perfeição, Bruno também tem uma curiosidade: entender os detalhes que fazem uma aeronave voar. E ele pretende saná-la em breve. Nos planos do goleiro estão a aposentadoria aos 32 anos e o início da faculdade de engenharia.

Aos 23 anos e idolatrado pela maior torcida do país, Bruno inicia nesta sexta-feira o período de silêncio que antecede às decisões. Uma tática para evitar polêmicas. Antes da lei da mordaça, ele deu uma entrevista na escuridão da Gávea enquanto aguardava o ônibus para seguir para a concentração. Confira a entrevista daquele que, para a torcida do Flamengo, é o “melhor goleiro do Brasil”.

Recentemente, em uma conversa informal, você brincou que precisa economizar dinheiro porque pretende se aposentar em breve. A promessa é séria?

Bruno: Quero parar cedo. Com uns 32, no máximo 33 anos pretendo me aposentar.

Por quê?

Porque o jogador passa a vida concentrado. Sei que isso é normal, mas uma hora cansa. É estressante demais. Você vê a juventude indo embora. Quero começar uma vida nova.

E como seria essa nova vida?

Tenho um grande sonho: ser engenheiro mecânico de avião. Completei o segundo grau e quero cursar essa faculdade assim que me aposentar. Fico curioso para saber como funciona.

De onde vem essa paixão?

Quando eu era criança, fazia trilhas na cidade em que morava (Ribeirão das Neves) e chegava perto do aeroporto de Confins. Observava as decolagens dos aviões e ficava me perguntando: “Como pode voar?”.

Normalmente às vésperas das finais você evita as entrevistas. Há algum motivo específico?

Prefiro me concentrar bastante nos meus objetivos. E sei que quando estou muito concentrado acabo falando besteira. Por isso é melhor evitar polêmica.

Por falar em polêmica, alguns dos últimos jogos contra o Botafogo não foram muito tranqüilos…

É, mas passou. Agora é um outro jogo. Quero vencer porque é uma final de Estadual. Essa história de tirar sarro acabou. Temos de dar o exemplo para as pessoas.

Você se considera um ídolo da torcida rubro-negra?

É complicado eu afirmar isso. Posso dizer que me sinto muito seguro no Flamengo, como se eu estivesse em casa. Percebo diariamente que a torcida confia muito em mim.

Agora, até para bater faltas…

(risos) Os cobradores do time são Leo Moura e Juan. Depois ainda tem o Kleberson, Cristian, Jaílton. Eu estou ali, procurando meu espaço. Ainda não sei como lidar com isso. Pode ver que nem consegui comemorar. Só queria saber de dar um abraço em um companheiro.

Anúncios

1 Response to “Em entrevista Bruno afirma: ‘Quero parar cedo’”


  1. 1 rayane
    15 de julho de 2008 às 11:35 am

    não tenho nada para falar do Bruno porque acho ele um super gato


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


abril 2008
S T Q Q S S D
« mar   maio »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Categorias

RSS Flamengo no GloboEsporte.com

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Indicamos

Acessos desde 10/2007

  • 454,828 flamenguistas

Visitantes Agora

web stats

Aniversário do Blog

Preço do Blog


My blog is worth $9,032.64.
How much is your blog worth?


%d blogueiros gostam disto: